Opinião: Tal treinador trabalharia de graça?

22/03/2020 às 20h32 - CLUBE

Tem sido noticiado que o ex-volante argentino, Alejandro Macuso, sonha trabalhar no Vasco da Gama. Ele declarou em entrevista ao canal Atenção, Vascaínos! que trabalharia de graça em São Januário.

Mancuso conhece o futebol brasileiro, já defendeu o Flamengo, Palmeiras, e Santa Cruz, clube que, inclusive, ele também já declarou que sonha treinar, numa entrevista publicada em 2015, na qual exaltou a torcida do clube pernambucano. Perceba, ele sonha pra caramba!

José Luis Moreira começa seu trabalho em definitivo no comando do futebol do Vasco nesta semana, e esperamos que ele tenha competência para escolher o melhor para o Clube, que trabalhe mais e apareça menos. O Vasco não é para aventureiros, e das últimas escolhas, apenas Vanderlei Luxemburgo correspondeu ao que se espera de um treinador cruzmaltino.

Pode até ser que Mancuso chegue e faça um bom trabalho, mas, quando a esmola é demais...

O Vasco precisa de um treinador que trabalhe não apenas o futebol, mas que blinde o exaltável elenco (em termos de comportamento e respeito à instituição), dos desmandos vistos neste início de temporada, capitaneado por uma administração perdida e aquém do que o Vasco precisa. Abel, apesar do fraco desempenho técnico, infelizmente foi mais uma vítima, vítima do que Luxemburgo não quis encarar.

De graça, nem relógio. Não se engane, torcedor!

A diretoria precisa se desdobrar e criar um projeto que possa atraiar um treinador experiente, competente, que possa dar resultados. Não é hora de apostas arriscadas, de ouvir atravessadores. 
 

Tempos sombrios nos amedrontam. 

Fonte: Vasco Notícias