Mercado

Para ter Coutinho, tarefa principal do Vasco é se resolver com o Aston Villa

Na entrevista coletiva de quinta-feira, o presidente Pedrinho revelou que participa da negociação pelo retorno de Philippe Coutinho ao Vasco. Agora no controle da SAF, mesmo que de forma provisória, o ex-jogador terá ainda mais força para convencer o meia a voltar ao clube que o revelou.

Para ter sucesso na negociação, o Vasco conta com o desejo de Coutinho, que neste momento quer retornar ao futebol brasileiro muito mais do que já quis antes - vontade compartilhada pela esposa dele. Desta forma, o clube, que tem a preferência do jogador, entende que a tarefa principal é se resolver com o Aston Villa.

Coutinho está emprestado ao Al-Duhail, do Catar, até o meio deste ano, mas tem contato com o clube inglês até junho de 2026. A intenção do Vasco é propor ao Aston Villa um novo empréstimo do meia, com obrigação de compra ao fim do vínculo.

O Vasco negocia diretamente com pessoas próximas ao meia. E Pedrinho, na posição de ídolo do clube, é um trunfo. É ele quem tem movimentado a negociação. Na última passagem do agora presidente por São Januário como jogador, em 2008, Coutinho jogava na base vascaína, onde cresceu ouvindo sobre Pedrinho.

Além da conversa com o Aston Villa, o Vasco terá que resolver outras questões financeiras diretamente com Philippe Coutinho. O salário do meia fora do Brasil, segundo a imprensa internacional, é superior a R$ 3 milhões por mês. Valor longe da realidade da SAF vascaína, que paga metade disso ao seu principal jogador, o francês Payet.

O sucesso do acordo depende ainda da estabilidade do Vasco. No momento, por decisão judicial, o controle da SAF saiu das mãos da 777 Partners e voltou ao clube. A diretoria de Pedrinho encontrou o caixa da empresa zerado e estuda formas de manter o seu funcionamento.

Os representantes de Coutinho acompanham a situação de perto. A expectativa de Pedrinho e sua equipe é que a "guerra" com a 777 Partners termine com vitória do clube e sem efeitos trágicos. As conversas com o meia-atacante visam fechar um acordo para a segunda janela de transferências, que abre em 10 de julho. Ou seja, o Vasco tem menos de dois meses para resolver tudo.

Vendido para a Inter de Milão quando ainda tinha 16 anos, em 2008, Coutinho marcou cinco gols em 44 jogos com a camisa vascaína e foi para a Itália quando completou18 anos, em 2010. Foi emprestado ao Espanyol antes de chegar ao Liverpool, onde viveu seu melhor momento. Caiu nas graças da torcida e marcou seu nome na história do clube que defendeu entre 2013 e 2018.

Em janeiro de 2018, o Barcelona pagou 145 milhões de euros (R$ 568 milhões na cotação da época) ao Liverpool para contratar Coutinho, até hoje a terceira maior transferência da história do futebol. Só fica atrás das compras de Neymar e Mbappé pelo PSG. No clube catalão, o jogador não se firmou. Foi emprestado ao Bayern de Munique, pelo qual ganhou a Champions em 2020. Transferiu-se ao Aston Villa no início de 2022 e lá ficou até setembro de 2023, quando foi emprestado ao Al-Duhail.

Fonte: ge
  • Quinta-feira, 13/06/2024 às 21h30
    Vasco Vasco 0
    Palmeiras Palmeiras 2
    Campeonato Brasileiro - Série A Arena Barueri
  • Domingo, 16/06/2024 às 18h30
    Vasco Vasco
    Cruzeiro Cruzeiro
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • A definir
    Vasco Vasco
    São Paulo São Paulo
    Campeonato Brasileiro - Série A A definir