Pedido de demissão de Zé Ricardo aumenta pressão sobre técnico do Santos

03/06/2018 às 08h51 - FUTEBOL

Uma notícia deste sábado deixou Jair Ventura ainda mais pressionado no Santos: Zé Ricardo pediu demissão e deixou o Vasco. O técnico era a prioridade do Peixe em dezembro, quando o presidente José Carlos Peres assumiu. A opção foi de permanecer no Rio de Janeiro. Assim, Jair foi contratado.

A diretoria alvinegro acha Zé “excelente” e não garante a manutenção de Jair Ventura no comando técnico. A saída para o treinador é vencer (e convencer) o Vitória neste domingo, às 16h (de Brasília), na Vila Belmiro, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro.

O Comitê de Gestão do Santos, em sua maioria, já quer a saída de Jair. O presidente Peres ainda é a favor da permanência, mas concordará com a maioria dos votos. O colegiado irá se reunir na noite de segunda-feira para deliberar sobre o assunto.

Insatisfeita, a torcida do Peixe protestou ao longo da semana. Neste sábado, a Jovem, a maior organizada do Alvinegro, levou centenas de pessoas ao CT Rei Pelé. Houve invasão ao campo e a polícia teve de ser acionada para conter os ânimos.

Jair Ventura tem 12 vitórias, seis empates e 13 derrotas em 2018, um aproveitamento de 45%. O rendimento é inferior a Zé Ricardo no Vasco: 22 vitórias, 13 empates e 15 derrotas: 52,7%.

Fonte: Gazeta Esportiva

Enquete

Você é favorável ao retorno de Antônio Lopes no cargo de dirigente?

Deixe seu comentario