Futebol

"Precisa também ter um pouco de vergonha na cara", diz Ricardo Rocha

8

Em um jogo com polêmica em relação ao VAR, após a não-utilização das linhas para a conferência de um possível impedimento no primeiro gol do Internacional, o Vasco foi derrotado em São Januário e se mantém na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro a duas rodadas do fim e no mesmo momento em que o Goiás, adversário na última rodada, se aproximou e ficou apenas um ponto atrás do clube cruzmaltino.

No Fim de Papo, live pós-rodada do UOL Esporte — com Isabela Labate, Menon, Ricardo Rocha e Renato Maurício Prado —, Ricardo Rocha, que jogou pelo Vasco durante a carreira como zagueiro, analisa a situação do time comandado por Vanderlei Luxemburgo e afirma que, independentemente de problemas no VAR, é preciso ver o que está sendo feito dentro de campo, enquanto aumentam as chances de um quarto rebaixamento do clube que tem uma das maiores torcidas do país.

"Precisa também ter um pouco de vergonha na cara do que o Vasco vem fazendo no campeonato, o Vasco vem muito mal, não é possível jogar como vem jogando, o Vasco está muito mal, está buscando a segunda divisão, em 12 anos cair quatro vezes é uma catástrofe, problemas políticos seríssimos que estão levando o Vasco direto para essa segunda divisão, hoje ele não depende só dele. Eu acredito sim que pode ter uma reação, agora, precisa ganhar do Corinthians e tem mais, depois pega o Goiás”, afirma Ricardo (no vídeo a partir de 7:44).

"O Goiás vem numa crescente dentro da competição, vem jogando melhor do que o Vasco, eu cito várias equipes que têm uma linha de crescimento muito maior do que o Vasco da Gama, o Vasco tem tido dentro da competição muitos altos e baixos. Está um horror, a equipe não se encontra", completa.

O ex-zagueiro diz que o primeiro gol pode ter afetado o time, mas cita também o pênalti perdido por Germán Cano, o momento ruim de Talles Magno e afirma que é hora de os jogadores mais experientes aparecerem e darem apoio aos mais jovens.

"É claro que 1 a 0 nessa condição mexe um pouco, os jogadores sabendo, mas precisa jogar, tem jogadores que não estão bem, teve o pênalti que o Cano colocou para fora, isso não é o VAR, é a qualidade. Nervosismo todo mundo tem, então os jogadores mais experientes também têm que dar a cara nesse momento, aparecer, o Vasco hoje tem jogadores como Benítez, como o próprio Cano, o Castán e o Fernando Miguel, que são jogadores experientes e que têm que chamar essa garotada. A queda de produção do Talles Magno, o que está jogando é impressionante, ou seja, nada”, diz Ricardo Rocha.

"O Vasco tem que pensar em realmente sair dessa situação, o Internacional mereceu ganhar o jogo sim, o Renato falou bem, no início do jogo, os 10 primeiros minutos, foram quatro bolas dentro do gol do Vasco, o Inter começou massacrando, fez 1 a 0, aí sim, veio atrás. Dentro de campo, o Vasco não tem mostrado nada, não merece. Não merece, tem que estar sofrendo sim, por tudo o que está jogando. Agora, colocar tudo isso em cima do VAR, não. Houve um erro, houve, agora, precisa jogar e muito para sair desse sufoco", conclui.

Fonte: UOL Esporte
  • Sábado, 06/03/2021 às 21h05
    Vasco Vasco 0
    Volta Redonda Volta Redonda 1
    Taça Guanabara Raulino de Oliveira
  • Sábado, 13/03/2021 às 18h00
    Vasco Vasco
    Nova Iguaçu Nova Iguaçu
    Taça Guanabara A definir
  • Quinta-feira, 18/03/2021 às 21h30
    Vasco Vasco
    Caldense Caldense
    Copa do Brasil Ronaldão
  • 20/03 (sáb) ou 21/03 (dom)
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Taça Guanabara Maracanã
  • 24/03 (qua) ou 25/03 (qui)
    Vasco Vasco
    Macaé Macaé
    Taça Guanabara São Januário
  • 27/03 (sáb) ou 28/03 (dom)
    Vasco Vasco
    Madureira Madureira
    Taça Guanabara São Januário
  • Terça-feira, 30/03/2021 às 21h35
    Vasco Vasco
    Fluminense Fluminense
    Taça Guanabara Maracanã