Relembre como foi a goleada do Vasco sobre o Barcelona em 1957

14/08/2020 às 21h56 - FUTEBOL

Aplicar um verdadeiro atropelo no Barcelona como o promovido pelo Bayern de Munique, nesta sexta-feira, por 8 a 2, em partida válida pela Liga dos Campeões, não é uma particularidade somente do time alemão. Um time brasileiro também já colocou o Barça na roda.

Os tempos eram outros. Mas nada muda a história. No dia 23 de junho de 1957, o Vasco da Gama não tomou conhecimento do Barcelona e também aplicou uma impiedosa e humilhante goleada sobre o time catalão: 7 a 2. E o detalhe: dentro da Espanha.

A partida amistosa aconteceu na Catalunha, no Estádio Les Corts, antigo estádio do Barcelona. Pouco mais de um mês depois da goleada, o estádio Camp Nou foi inaugurado.

O jogo teve um hat-trick de Laerte, que balançou três vezes as redes. Destaque também para Vavá, que marcou duas vezes. Os outros gols vascaínos na goleada foram marcados por Válter e Wilson Moreira. Villaverde e Martínez fizeram os do time espanhol.

"Num jogo que marcava o encerramento das atividades futebolísticas da temporada, que servia para fecho de comemorações pela vitória do Barcelona na Taça Generalíssimo, houve uma completa decepção para a torcida catalã. O Vasco da Gama, do Rio de Janeiro, apontado pelos entendidos locais como perdedor, surpreendeu sensacionalmente ao Barcelona, impondo-lhe o impressionante placar de 7 a 2”, descrição do jornal O Globo na época.

Um fato curioso é que o Barcelona tinha o brasileiro Evaristo de Macado no ataque e era o atual campeão da Copa do Rei. O time contava ainda com o goleiro titular da Espanha na Copa do Mundo de 1950, Antoni Ramallets. A base desta equipe do Barcelona viria ainda a faturar o título espanhol de 1959 e a copa da UEFA de 1958 e 1960.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA

Partida: Vasco da Gama 7x2 Barcelona
Data: 23 de junho de 1957 - (Domingo)
Local: Estádio Les Corts – Barcelona (Catalunha)/ESP
Vasco da Gama: Carlos Alberto; Dario, Viana, Orlando e Ortunho; Laerte e Válter; Sabará, Livinho, Vavá e Pinga.Técnico: Martim Francisco
Barcelona: Ramallets; Olivella, Brugué (Rodrí), Segarra, Flotats, Vergés (Gracía), Basora (Tejada), Villaverde, Martínez, Evaristo e González.Técnico: Doménec Balamanyá
Gols: 1º Tempo – Laerte (3’), Vavá (6’) e Laerte (11’); 2º Tempo – Vavá (6’), Villaverde (BAR-10’), Laerte (27’), Válter (35’), Martínez (36’) e Wilson Moreira.
Árbitro: Gómez Contreras (Espanha)

Fonte: ge