Renato Gaúcho defende substituídos no Vasco

18/03/2007 às 21h23 - FUTEBOL

No decorrer da semana, o técnico do Vasco, Renato Gaúcho, fez questão de deixar bem claro: quem não estivesse rendendo seria substituído antes mesmo do intervalo. No jogo deste sábado contra o Boavista, o treinador cumpriu a promessa e sacou Conca e Amaral aos 46 minutos do primeiro tempo.

Renato explicou depois que as mudanças foram por opção tática e que os substituídos ainda contam com seu apoio pelo que vêm apresentando na temporada.

- Os jogadores do Vasco têm moral comigo e falo isso de todos, até os que foram substituídos. Infelizmente não estavam nos seus melhores dias e tive que fazer as substituições. Mas volto a dizer que confio no futebol deles - afirmou o técnico em entrevista ao site oficial do clube.

As alterações deram resultado, já que o Vasco conseguiu se impôr na etapa final e chegar à vitória por 6 a 2, com direito a três gols de Romário.

Fonte: Lance