Futebol

Retrospectiva da temporada do Vasco de 2021

O Vasco começou a temporada com o objetivo de se reerguer novamente após mais um rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Só que sob o comando do presidente Jorge Salgado, os cruzmaltinos sucumbiram e ficaram longe de retornarem à Série A.

Desde o Campeonato Carioca, passando pela Copa do Brasil e Série B, o Vasco teve poucos bons momentos na temporada. A diretoria apostou em Marcelo Cabo, trocou o treinador por Lisca. O badalado técnico também não conseguiu fazer a equipe crescer de produção. Por fim, Fernando Diniz foi mais um a acumular decepções.

A fraca campanha em 2021 provocou uma mudança radical no futebol cruzmaltino. O diretor-executivo Alexandre Pássaro foi demitido. Para 2022, os vascaínos apostam em uma estrutura mais sólida fora de campo, com Zé Ricardo no comando da equipe.

CAMPEONATO CARIOCA DECEPCIONANTE

O Vasco começou a temporada com um elenco muito modificado em relação ao que havia sido rebaixado. O técnico Marcelo Cabo teve o aval da diretoria para fazer do Estadual um laboratório visando a Série B.

Os cruzmaltinos utilizaram uma equipe de garotos nas primeiras rodadas. Só que os maus resultados fizeram com que o Vasco antecipasse a estreia dos principais jogadores.

O grande momento do Vasco no Estadual foi no clássico contra o Flamengo. Os cruzmaltinos impuseram um 3 a 1 sobre o rival, acabando com um jejum de quatro anos sem vitória sobre o maior rival.

No fim, o Vasco não foi para a fase final do Estadual. Como consolação, os cruzmaltinos ficaram com o título da Taça Rio.

COPA DO BRASIL LONGE DO TÍTULO

Com o foco na Série B, a Copa do Brasil para os cruzmaltinos acabou ficando em segundo plano. O Vasco caminhou sem grande dificuldade pelas fases iniciais da competição.

No entanto, quando encontrou o primeiro clube de Série A em seu caminho, sucumbiu nas oitavas de final. O Vasco até fez bons duelos contra o São Paulo, principalmente no Morumbi, mas acabou sofrendo com a falta de qualidade da equipe.

No fim, duas derrotas para os paulistas acabaram com a campanha do Vasco na Copa do Brasil.

SÉRIE B PARA ESQUECER

O clube carioca começou a Série B na esperança de conquistar o acesso. A equipe vinha em ascensão por algumas boas atuações no Estadual e Copa do Brasil.

Só que a estreia já mostrou que a Segundona de 2021 não seria fácil. Em São Januário, o Vasco foi derrotado pelo Operário.

Com Marcelo Cabo, o Vasco se mostrava muito irregular, sempre fora da zona de acesso. A falta de confiança no trabalho do treinador ficou evidente e a demissão foi acertada.

A diretoria acertou a contratação do técnico Lisca, badalado após o bom trabalho no América-MG. Só que o comandante viu logo nas primeiras partidas que o trabalho seria árduo.

Em nenhum momento, o Vasco de Lisca chegou perto do G-4 da Série B. O próprio treinador pediu para deixar o comando da equipe.

A última esperança foi a chegada de Fernando Diniz. Sob seu comando, os cruzmaltinos chegaram a esboçar uma reação, aliada ao retorno do meia Nenê. Tanto que os cariocas ficaram próximos do grupo de acesso.

Mais uma vez, os vascaínos mostraram a irregularidade de toda a temporada. Com isso, uma sequência de maus resultados acabou por implodir a chance da equipe de voltar à Série A.

As rodadas finais vieram de forma melancólica, com derrotas em placares largos. A torcida não perdoou quase ninguém do elenco e as críticas foram o início para a reformulação do futebol.

PROJEÇÕES PARA 2022

A próxima temporada do Vasco tem mais incertezas do que esperança. A nova estrutura do futebol já começa com mudança após a diretoria desistir da busca por um CEO para o futebol.

Além disso, as desistências nas negociações com Ricardo Gomes e Fernando Prass aumentaram a desconfiança na atual diretoria. Até o momento, o gerente de futebol Carlos Brazil e o técnico Zé Ricardo têm concentrado as decisões.

O elenco de 2021 foi praticamente dizimado. A principal perda foi do atacante Germán Cano, que não chegou a um acordo para renovar contrato.

Jogadores como o goleiro Vanderlei e o zagueiro Leandro Castán devem deixar o clube. Ambos têm contrato, mas não fazem parte dos planos da atual diretoria.

O certo deve ser um Vasco voltado ao redor de Nenê. O objetivo segue sendo o retorno à Série A, mas os cruzmaltinos sabem que terão tanta dificuldade quanto nesta temporada.

Fonte: Gazeta Esportiva
  • Domingo, 28/11/2021 às 16h00
    Vasco Vasco 0
    Londrina Londrina 3
    Campeonato Brasileiro - Série B Estádio do Café
  • (26/01 - Qua) ou (27/01 - Qui)
    Vasco Vasco
    Volta Redonda Volta Redonda
    Taça Guanabara Raulino de Oliveira
  • (29/01 - Sáb) ou (30/01 - Dom)
    Vasco Vasco
    Boavista Boavista
    Taça Guanabara São Januário
  • (02/02 - Qua) ou (03/02 - Qui)
    Vasco Vasco
    Nova Iguaçu Nova Iguaçu
    Taça Guanabara São Januário
  • (05/02 - Sáb) ou (06/02 - Dom)
    Vasco Vasco
    Madureira Madureira
    Taça Guanabara Conselheiro Galvão
  • (09/02 - Qua) ou (10/02 - Qui)
    Vasco Vasco
    Portuguesa Portuguesa
    Taça Guanabara São Januário
  • (12/02 - Sáb) ou (13/02 - Dom)
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Taça Guanabara Maracanã