Romário se encontrará com empresários de Miami para ouvir nova proposta

25/03/2006 às 19h52 - FUTEBOL

Eliminado precocemente do Campeonato Carioca, o Vasco segue pensando na sequência da temporada. A diretoria confirmou a prorrogação de contrato com o lateral-esquerdo Diego, que estendeu seu vínculo até 2009. O atual compromisso terminaria em 2007.
Apesar de não estar passando por um grande momento, o lateral é considerado um dos jogadores do atual elenco com maior potencial de crescimento e valorização, tanto que chegou a receber sondagens de clubes do exterior. A prorrogação do contrato de Diego já foi publicada no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF.

No treino da manhã deste sábado, as ausências ficaram por conta do meia Ramon e do atacante Edílson, que foram liberados pela diretoria para resolverem problemas particulares. Outro que continua sem aparecer é o atacante Romário.

Na terça-feira, o Baixinho vai se encontrar com empresários ligados ao Miami, clube dos Estados Unidos que recentemente contratou o meia tetracampeão Zinho, para ouvir uma segunda proposta, já que a primeira foi considerada baixa pelo atleta.

Caso não chegue a um acordo, existe a chance de Romário se reunir com o presidente do Vasco, Eurico Miranda, para tentar permanecer em São Januário. Mas para isso ser acertado, é necessário o aval do técnico Renato Gaúcho, que deixou bem claro que o Baixinho precisará se enquadrar em algumas normas da casa.

\"Não vou mais me envolver neste assunto, fica a cargo da diretoria. Agora, uma coisa é certa. Se o Romário seguir a programação que passamos para ele no ano passado, tudo bem. Ele mesmo sabe que não pode ficar sem essa programação. O que não pode é ter o Romário no Vasco desmotivado\", disse Renato.

O elenco do Vasco ganhou folga neste domingo e a reapresentação está marcada para segunda-feira. O time só voltará a campo no dia 5 de abril, contra o Iraty-PR, pelo jogo de volta da segunda fase da Copa do Brasil, em São Januário. No confronto de ida, no interior paranaense, houve empate por 2 a 2.

Fonte: Gazeta Esportiva.net