Santiago, uma cidade marcada na história do Vasco

29/01/2018 às 12h00 - FUTEBOL

Santiago passou a ser a casa do Vasco da Gama na madrugada desta segunda-feira (29/01). Há dois dias da estreia na Conmebol Libertadores 2018, o Gigante da Colina cumprirá na capital chilena mais uma etapa de sua preparação para a partida contra o Universidad Concepción, que acontecerá na quarta (31). A relação cruzmaltina com a histórica cidade é antiga. Foi em Santiago, no final da década de 40, que o Almirante conquistou um dos mais importantes títulos do futebol brasileiro.

Os campeões sul-americanos, em foto tirada antes do jogo Vasco 1 x 0 Emelec em 29/02/1948. Em pé: Augusto, Barbosa, Rafagnelli, Danilo, Jorge e Ely; agachados: Djalma, Maneca, Friaça, Lelé, Chico e o massagista Mário Américo- Foto: Revista Estadio, Chile

Dono do mais poderoso esquadrão do país, o Vasco da Gama acabara de vencer de forma invicta o Campeonato Carioca de 1947 quando recebeu o convite para participar do "Campeonato Sul-Americano de Campeões". Organizado pelo Colo-Colo (CHI) em parceria com a Conmebol, através de seu presidente Luis Valenzuela, a competição seria disputada em solo chileno com a presença dos principais clubes do continente. O convite foi aceito e o Cruzmaltino seguiu viagem para a sede do torneio com o objetivo de fazer história.

Em Santiago, embora não fosse apontado como favorito pela imprensa, o "Expresso da Vitória" deslumbrou a todos com a sua conhecida qualidade já demonstrada nos gramados brasileiros e não tomou conhecimento dos adversários. O Vasco fez uma campanha avassaladora, com quatro vitórias e dois empates em seis jogos disputados, chegando aos 10 pontos e superando o River Plate (ARG), considerado até então o melhor time do continente. O Almirante teve o melhor ataque (12 gols) e defesa menos vazada (três gols sofridos). Friaça, com quatro gols, foi o artilheiro vascaíno no torneio.

Primeiro obtido por um clube brasileiro fora do território nacional, o título conquistado pelo Gigante da Colina em Santiago completa 70 anos no próximo dia 14 de março. No ano de 1996, o Vasco reivindicou a participação na Supercopa dos Campeões da Libertadores, um torneio entre aqueles que já haviam conquistado a Libertadores da América, ou seja, tinham sido campeões continentais. Dessa forma, por ter sido o primeiro campeão da América, em 1948, o clube desejava ter o seu direito respeitado e disputar a competição. 

O Comitê Executivo da Conmebol, órgão máximo desta entidade, reconheceu a verdade histórica e permitiu que o Vasco participasse da Super-Copa de 1997, reafirmando e reconhecendo de uma vez por todas que o Campeonato Sul-Americano de Campeões foi um torneio continental precursor da atual Libertadores, de mesmo patamar e objetivo, qual seja: definir o Campeão da América. A competição serviu de inspiração também para a criação da Liga dos Campeões da Europa.

Relembre a campanha do Vasco no Sul-Americano de 1948:

1ª partida: 14/02/1948- Vasco da Gama 2 x 1 Club Deportivo Litoral (BOL)

Gols: Lelé (2)

2ª partida:18/02/1948- Vasco da Gama 4 x 1 Nacional (URU)

Gols: Ademir, Maneca, Danilo e Friaça

3ª partida: 25/02/1948- Vasco da Gama 4 x 0 Club Deportivo Municipal (PER)

Gols: Lelé, Friaça (2) e Ismael

4ª partida: 28/02/1948- Vasco da Gama 1 x 0 Emelec (EQU)

Gols: Ismael

5ª partida: 07/03/1948- Vasco da Gama 1 x 1 Colo-Colo (CHI)

Gols: Friaça

6ª partida: 14/03/1948- Vasco da Gama 0 x 0 River Plate (ARG)

Gols: --

Os heróis do título do Campeonato Sul-Americano de 1948:

Ademir Marques de Menezes/ Ademir

Albino Friaça Cardoso/ Friaça

Augusto da Costa/ Augusto

Danilo Faria Alvim/ Danilo

Dimas da Silva/ Dimas

Djalma Bezerra dos Santos/ Djalma

Ely do Amparo/ Ely

Fausto Barcheta/ Barcheta

Francisco Aramburu/ Chico

Ismael Caetano/ Ismael

Jorge Dias Sacramento/ Jorge

Manoel Marino Alves/ Maneca

Moacir Rodrigues da Silva/ Moacir

Moacyr Barbosa/ Barbosa

Nestor Alves da Silva/ Nestor

Ramón Roque Rafagnelli/ Rafagnelli

Wilson Francisco Alves/ Wilson

Flávio Rodrigues Costa/ Flávio Costa (treinador)

Fonte: Site oficial do Vasco

Enquete

Quem você gostaria que fosse o novo técnico do Vasco?

Deixe seu comentario