Troca de nomes não ajuda ataque do Vasco

30/07/2006 às 20h35 - FUTEBOL

O Vasco venceu a terceira partida consecutiva e subiu ainda mais no Brasileiro. Mesmo assim, os atacante do time ainda não colaboraram da maneira que se espera.

A última vez em que um atacante do Gigante da Colina chegou às redes foi no dia 31 de maio, na partida em que o clube empatou por 1 a 1 com o Fortaleza pelo Campeonato Brasileiro.

Depois da final da Copa do Brasil, o técnico Renato Gaúcho excluiu Valdiram e Valdir Papel até do banco de reservas neste domingo. Ele apostou em Faioli como companheiro de Edílson.

Contudo, o gol único do duelo contra o Cruzeiro saiu em uma jogada do lateral-esquerdo Diego e do meia Ramon, no segundo tempo. Faioli, por sua vez, esteve discreto e foi substituído por Fábio Júnior, no segundo tempo.

A partir da próxima semana, Renato ganhará outra opção para o setor. O atacante Jean, ex-Flamengo, será regularizado e pode estrear. O histórico dele não anima muito. A finalização ao gol é uma de suas principais deficiências.

Fonte: Pelé.Net