Últimos trabalhos de Abel Braga fazem técnico ser questionado

16/12/2019 às 19h47 - FUTEBOL

O Vasco tem um novo técnico: Abel Braga. Depois de não se acertar com Vanderlei Luxemburgo, o Cruz-Maltino chegou a um acordo com o ex-comandante do Cruzeiro em longa reunião na tarde desta segunda-feira, no Rio de Janeiro.

Desde a saída de Luxemburgo, na última sexta, Abel Braga era o nome preferido do presidente Alexandre Campello para assumir o Vasco, mas questões financeiras precisaram ser negociadas por causa das dificuldades cruz-maltinas.

O último trabalho de Abel Braga foi no Cruzeiro. Ele comandou a equipe, que acabou rebaixada no Campeonato Brasileiro depois de sua saída, em 14 partidas, nas quais conquistou apenas três vitórias. Antes, havia passado pelo Flamengo, mas deixou o clube pouco antes da parada para a Copa América quando soube que a diretoria negociava com Jorge Jesus.

Na última passagem de Abel Braga pelo Vasco, ele chegou ao clube em março de 2000 após a vitoriosa passagem de Antônio Lopes, que durou quatro anos. Com proposta do Olympique de Marselha, Abel ficou apenas três meses em São Januário. No jogo mais marcante daquele período, o Vasco derrotou o Flamengo por 5 a 1, no domingo de Páscoa. Na última partida do treinador, o time foi eliminado da Copa do Brasil pelo Fluminense.

Abel também defendeu o Vasco nos tempos de jogador, entre 1977 e 1979. Zagueiro, integrava a defesa que ficou conhecida como Barreira do Inferno pela virilidade. Inclusive, no anúncio da contratação do treinador no Twitter, o clube utilizou imagens de seus tempos de jogador com a camisa vascaína.

Fonte: GloboEsporte.com