Vasco avança na Copa do Brasil com número negativo no ataque

06/03/2020 às 08h12 - FUTEBOL

A classificação do Vasco na Copa do Brasil não esconde o pior erro do time no início de 2020: o ataque. Em onze partidas, são apenas oito gols. Só o Bragantino, entre os times da Série A, marcou menos gols, mas em oito partidas. A média vascaína é pior e o número de gols marcados inferior a todos os demais times da Série A neste início de 2020.

Dos míseros oito gols vascaínos, cinco foram marcados por Germán Cano, dois por Werley e um por Andrey. Ou seja, o único atacante capaz de fazer gols é o argentino recém-chegado. Dois foram marcados de bola parada (25%).

Está claro que o ataque não é o único problema do Vasco, que há defeitos na criação do meio-de-campo, mas o índice chama a atenção. Como atenuante, sempre a lembrança de que o pior início de ano do Vasco aconteceu no Campeonato Carioca de 2011, quando houve quatro derrotas e um empate nos primeiros cinco jogos.

Em junho, reformado, o Vasco ganhou a Copa do Brasil.

Não existe hoje a esperança de que se repita.

Fonte: GloboEsporte.com