Vasco e Flamengo deste sábado terá duelo de artilheiros

10/10/2020 às 08h34 - FUTEBOL

Dois atacantes com DNA de artilheiros, chegaram no início de 2020 com missões distintas. O argentino Germán Cano como a esperança de gols para o Vasco que carecia há tempos de um centroavante decisivo e Pedro, emprestado pela Fiorentina, voltava ao Brasil para jogar no Flamengo – maior rival do time que o revelou – com a difícil missão de brigar por posição com Gabigol.

Dez meses depois, os dois estarão frente a frente pela primeira vez no “Clássico dos Milhões” vivendo momentos diferentes em suas equipes e pessoais, apesar das estatísticas de ambos serem bem semelhantes.

Pelo lado do Vasco, Germán Cano é o artilheiro absoluto da equipe no ano de 2020, marcou 16 gols em 29 jogos. Essa marca já o fez superar Marrony e Yago Pikachu que foram artilheiros da temporada passada somando 9 gols cada. Entretanto, o camisa 14 atravessa um dos seus maiores jejuns da carreira. Apesar de ser o artilheiro Cruz-Maltino no Brasileirão com 7 gols, ele não marca há 6 jogos e por consequência a equipe não venceu nesse mesmo período.

Na coletiva após a derrota de 3×0 para o Bahia, o ex-treinador Ramon falou sobre o jejum do Cano e as dificuldades que a equipe encara sem seus gols.

– O Cano, pelo fato de não estar fazendo gol, a equipe está tendo uma certa dificuldade. Mostrou isso, principalmente, no primeiro tempo lá contra o Atlético-MG e no primeiro tempo aqui. E vai recuperar também como todos os atletas. É um grande jogador e vai ajudar muito o Vasco.

Já o Flamengo conta com Pedro, contratado para fazer parte da rotação do elenco Rubro-Negro e ser o reserva imediato de Gabigol. Com a lesão do titular da posição, o camisa 21 tem feito sua parte e chamado a responsabilidade para si, deixou sua marca nos últimos 5 jogos marcando 6 vezes. Vice-artilheiro do Fla na temporada, o clube já busca prorrogar o empréstimo do atacante ou um possível compra do atleta.

Após a vitória de 3×0 em cima do Sport, Dome falou sobre a importância de Pedro e seu poder de decisão quando está em campo.

– O Pedro não só finaliza bem, ele traz coisas importantes ao time. Quando tem problema, pode lançar para ele. Muito importante isso. Estamos contentes. Ele, como todos, precisava melhorar fisicamente e agora está ajudando muito 

O Gigante da Colina vai encarar o Flamengo no meio de uma verdadeira crise. Sem treinador após a demissão de Ramon Menezes, o técnico do sub-20, Alexandre Grasseli, assume interinamente até que a diretoria anuncie um novo nome. O interino promete algumas mudanças para tentar surpreender o adversário, como a entrada de Neto Borges de titular e um possível esquema com três zagueiros, com a volta do zagueiro Werley ao onze inicial.

Diferente do seu rival, o Rubro-Negro vai à campo numa ótima sequência de 5 partidas sem derrota e já mira a liderança do Brasileirão. Enfrenta o Vasco que não vence o clássico desde 2016. Apesar de questionado, por parte da torcida, Domènec Torrent dá provas que conseguiu encaixar o seu time e mesmo com desfalques importantes de Gabigol e Diego Alves – lesionados – Arrascaeta, Éverton Ribeiro, Isla e Rodrigo Caio, que foram convocados para suas respectivas seleções, o Rubro-Negro é o franco favorito para conquistar mais três pontos.

GOLS DE CANO E PEDRO

NA TEMPORADA
Cano – 16 gols em 29 jogos (Média: 0,55)
Pedro – 14 gols em 28 jogos (Média: 0,5)

CAMPEONATO BRASILEIRO
Cano – 7 gols em 13 jogos
Pedro – 6 gols em 11 jogos

CAMPEONATO CARIOCA
Cano – 6 gols em 8 jogos
Pedro – 5 gols em 11 jogos

COPA DO BRASIL
Cano – 2 gols em 6 jogos
Pedro – AINDA NÃO DISPUTOU

LIBERTADORES
Cano – NÃO DISPUTA
Pedro – 2 gols em 4 jogos

SUL-AMERICANA
Cano – 1 gol em 2 jogos
Pedro – NÃO DISPUTA

RECOPA SUL-AMERICANA
Cano – NÃO DISPUTOU
Pedro – 1 gol em 2 jogos

Fonte: Esporte News Mundo