Vasco e Fluminense terá batalha japonesa; Entenda!

19/07/2018 às 08h01 - FUTEBOL

Os personagens dos desenhos animados costumam fazer a alegria da criançada, mas, nesta temporada do futebol brasileiro, embalam o grito de gol de marmanjos. Em especial, dos torcedores de Vasco e Fluminense, que se enfrentam hoje, às 20h, em São Januário.

A partida pela 13ª rodada da Séria A reúne dois jogadores que têm apelidos inspirados em clássicos do Anime, como são conhecidas as populares animações dos estúdios japoneses - febre há décadas em todo o mundo.

De um lado, Yago Pikachu, artilheiro do Vasco na temporada com 14 gols em 34 jogos. Do outro, Marcos Júnior, o Kuririn, vice-artilheiro do Fluminense com nove gols em 23 partidas. Os dois jogadores ostentam as melhores médias de gols de suas carreiras e nunca tiveram uma fase tão artilheira.

Pikachu ganhou o apelido do principal personagem do desenho Pokémon ainda garoto, no futsal do Paysandu, de Belém. Por ser baixinho e rápido, começou a ser chamado desta forma por um ex-treinador. O apelido pegou e hoje é mais fácil do que chamá-lo de Glaybson Yago Souza Lisboa. Aos 26 anos, o lateral-direito de origem que atua também como meia ou atacante representa uma espécie de resistência das tradições do futebol brasileiro. É cada vez mais raro que assumam apelidos. Na Copa da Rússia, por exemplo, Paulinho foi o único titular na estreia da seleção que não era chamado pelo nome que carrega na identidade.

Marcos Júnior ganhou o apelido de Kuririn da torcida. O personagem do desenho Dragon Ball Z é especialista em artes marciais, além de baixinho e careca, como o atacante. A alcunha deu sorte e o jogador aderiu. Até já se vestiu com a roupa do personagem em uma reportagem.

Após a paralisação da Copa, o Vasco voltou a jogar na segunda-feira e Pikachu já deixou o dele na vitória de 2 a 0 sobre o Bahia. Marcos Júnior se recuperou de lesão muscular na coxa esquerda e também quer voltar à disputa do Brasileiro com gols.

E aí, quem animará mais a sua torcida?

Foto: Flickr Pikachu
Pikachu

Fonte: Extra

Mercado

Não Confirmado

Você aprova a saída de Martín Silva?

Especulações Mercado