Futebol

Vasco é o terceiro clube com mais gols de faltas desde o Brasileirão 2010

0

O Campeonato Brasileiro de 2020 já tem 693 gols marcados. Destes, apenas 1,44% (10 gols) foram assinalados a partir de cobranças de falta direta. Uma marca negativa que representa uma tendência de queda de gols de falta na elite do futebol brasileiro. O Espião Estatístico* analisou para o Jornal Nacional todos os gols das últimas 11 edições: de 2010 a 2020. No primeiro ano da série, a competição registrou o recorde de gols desta maneira: 47. Ou seja, onze edições depois, temos uma tombo de 78,7%.

Vale destacar ainda que a atual edição tem 286 jogos realizados e ainda faltam mais 94 partidas até o fim da competição. O que pode fazer com que a quantidade de gols de falta aumente até o término do torneio. No entanto, quando comparado os gols por média de jogos, o Brasileiro de 2020 segue como a edição com menos gols assim: média de 0,035. O campeonato de 2016 é o segundo pior, com 0,045 gol de falta por partida. A média da melhor edição é a de 2010: 0,124.

 

No total, os 20 times da atual edição finalizaram pro gol 459 vezes em cobranças de falta. No entanto, a pontaria está bem baixa. Além dos 10 gols, 127 foram defendidas, 185 foram para fora, 113 pararam na barreira, 9 passaram pela barreira, mas foram cortadas por um defensor além da barreira, 13 pararam na trave ou travessão e duas foram bloqueadas por um companheiro do próprio time.

Ou seja, das 459 tentativas de gols em cobranças de falta, apenas 137 tinha o endereço certo - o que equivale a cerca de 30% das finalizações deste modo. São Paulo e Santos são os times que mais usaram do artifício para concluir a gol na atual edição. Porém, o Tricolor Paulista marca um gol a cada 19 cobranças enquanto o Peixe balançou a rede de falta a cada 11,7 tentativas. Veja o ranking de eficiência abaixo:

 

OBS: as informações acima não incluem o jogo desta sexta-feira (15) entre Palmeiras e Grêmio.

Flamengo e Corinthians têm o maior jejum entre os times da Série A

O Espião resolveu investigar também quais eram os times da atual Série A que estão há mais tempo sem marcar um gol de falta em jogo oficial, independente de ser no Campeonato Brasileiro ou não. A equipe que enfrenta o maior jejum é o Flamengo: são 950 dias sem marcar em cobranças de falta. O último gol foi de Diego, em 10/06/2018, na vitória por 2 a 0 sobre o Paraná, pela rodada 11 do Brasileirão de 2018.

Outro grande que não sabe o que é comemorar um gol de falta há muito tempo é o Corinthians. Há 884 dias para ser mais preciso. O último gol foi marcado por Jadson, na vitória por 1 a 0 sobre a Chapecoense, pela Copa do Brasil de 2018. Por outro lado, Grêmio, Santos e São Paulo foram os últimos a marcar gol de falta - todos no mesmo dia (14/11/2020) - e estão há 62 dias sem marcar um gol em cobranças deste tipo. Veja o jejum de cada time abaixo:

 

Artilheiros em cobranças de falta no Brasileirão de 2010 a 2020

Se o futebol brasileiro não conta com um grande especialista atualmente, outros nomes já brilharam e marcaram muitos gols de falta no Campeonato Brasileiro. Considerando apenas jogos do Brasileirão de 2010 a 2020, o mestre em gols assim foi Marcos Assunção. Ele marcou 12 gols de falta no torneio neste período.

Depois dele, outros dois nomes aparecem empatados com oito gols cada em Brasileirões no período selecionado: Renato Abreu e Ronaldinho Gaúcho. Se o Flamengo de hoje não tem tido eficiência nas cobranças de falta, o passado recente mostra que o time já contou com alguns experts. O top-5, com seis gols cada, é do ex-lateral Ayrton e do ex-meia Marquinhos.

 

Apesar de o Palmeiras do Marcos Assunção liderar o ranking acima com sobra, no acumulado de gols por time, o Alviverde é apenas o sexto clube com mais gols. Grêmio e Atlético-MG lideram a lista de equipes com mais gols de falta de 2010 a 2020. Foram 24 e 23 gols marcados, respectivamente. Vasco (20), Flamengo (19) e Santos (19) completam o top-5.

 

Fonte: ge
  • Quinta-feira, 25/02/2021 às 21h30
    Vasco Vasco 3
    Goiás Goiás 2
    Campeonato Brasileiro São Januário
  • Quarta-feira, 03/03/2021 às 21h00
    Vasco Vasco
    Portuguesa Portuguesa
    Taça Guanabara São Januário
  • Sábado, 06/03/2021 às 21h00
    Vasco Vasco
    Volta Redonda Volta Redonda
    Taça Guanabara Raulino de Oliveira
  • Sábado, 13/03/2021 às 18h00
    Vasco Vasco
    Nova Iguaçu Nova Iguaçu
    Taça Guanabara A definir
  • 20/03 (Sáb) ou 21/03 (Dom)
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Taça Guanabara Maracanã
  • 24/03 (Qua) ou 25/03 (Qui)
    Vasco Vasco
    Macaé Macaé
    Taça Guanabara São Januário
  • 27/03 (sáb) ou 28/03 (dom)
    Vasco Vasco
    Madureira Madureira
    Taça Guanabara São Januário