Vasco precisa vencer o Sport para quebrar tabus de 2018 e seguir contra o Z4

19/10/2018 às 19h39 - FUTEBOL

Já em solo pernambucano, o Vasco fez no Estádio Arruda, o último treinamento visando o jogo deste sábado (20), contra o Sport, na Ilha do Retiro. Uma vitória será fundamental para o Cruzmaltino, por se tratar de um confronto direto contra o rebaixamento. Sabendo disso, o técnico Alberto Valentim vem cobrando muita organização e concentração por parte dos jogadores.

“Temos que ser um time organizado, usar bem a fase defensiva e ofensiva, com muita intensidade. Jogar aqui não é fácil. Precisamos estar atentos, concentrados e nos doar ao máximo para que o resultado venha”.

Caso vença o Sport, o Vasco vai conquistar a primeira vitória fora de casa neste Campeonato Brasileiro. Além de quebrar esse incômodo tabu, o time vai chegar a sua segunda vitória consecutiva na competição. Fato que também não aconteceu. Por todos esses motivos, Alberto Valentim ainda destacou que com os 3 pontos, vai afastar ainda mais o Vasco do Z-4.

“Estamos vivendo jogo a jogo. Se conseguirmos a segunda vitória seguida, será muito importante. Esses pontos valem muito. Com certeza vamos nos distanciar dos quatro últimos e isso vai nos dar tranquilidade nesta reta final de competição, que é o que nós pretendemos”.

Com alguns desfalques importantes, dentre eles Andrey e Luiz Gustavo suspensos, Alberto Valentim será obrigado a mais uma vez realizar mudanças no time. No entanto o treinador afirmou que já tem os titulares, mas não quis revelar.

“O time já está definido. Vamos fazer alguns ajustes para estarmos bem preparados para este jogo de sábado”.

A tendência é que o Vasco vá a campo com Fernando Miguel, Rafael Galhardo, Werley, Leandro Castan e Ramon; Bruno Ritter, Desábato, William Maranhão. Yago Pikachu e Fabrício; Maxi López.

Corte de Martin Silva

O técnico Alberto Valentim justificou a ausência do goleiro Martin Silva, que ficou no Rio de Janeiro após retornar da Seleção do Uruguai, que disputou dois amistosos na Ásia. O treinador deixou claro que o corte não foi apenas por uma questão física, mas também pela questão tática.

“Lógico que tem o cansaço, a duração da viagem. Mas não só por isso. Foi também por ele não ter participado dos treinos da semana. Aproveitamos muito. Então a decisão foi por essas duas coisas, mas acho que a viagem ele teria recuperado tranquilamente”.

Foto: Site Oficial do Vasco Willian Maranhão
Willian Maranhão

Fonte: Esporte24Horas