Vasco é um dos poucos clubes que mantém apoio à esgrima carioca

30/01/2006 às 16h59 - OUTROS ESPORTES

A esgrima é a forma de luta com espadas. Embora sua origem mais remota chegue a dois milênios antes de Cristo, a esgrima só virou esporte de competição em 1874, quando surgiu a primeira escola americana de esgrima. A modalidade tem disputas individuais e por equipes, com três tipos de armas diferentes nos combates: espada, florete e sabre.

Os atletas competem em pistas de 14m de comprimento por 1,5m de largura e o objetivo é tocar o adversário sem ser tocado. Em disputas classificatórias, ganha quem somar 5 toques ou ficar 4 minutos sem ser atingido. Nas eliminatórias, o número de toques sobe para 15 e o tempo, para 9 minutos. Através de fios e roupas especiais, os competidores estão ligados a um sistema eletrônico que conta cada toque.

No passado, os esgrimistas gritavam \"touché\" (toquei) para dizer que tinham acertado o adversário. Hoje, cada atleta tem seu grito de guerra para comemorar a vitória.

O esporte está inserido nos Jogos Olímpicos desde sua origem em 1896. Em Atenas 2004, a maioria das 30 medalhas em disputa ficou com os esgrimistas da Itália, França, Hungria e Rússia.

Nos Jogos Pan-Americanos a esgrima também está presente desde a primeira edição em 1951. Em Santo Domingo 2003, boa parte das 36 medalhas ficou nas mãos de Estados Unidos, Cuba e Venezuela. A esgrima brasileira não consegue subir ao pódio desde a medalha de bronze na espada por equipes na edição de 1975 na Cidade do México.

O Rio de Janeiro será a sede dos próximos Jogos Pan-Americanos em 2007. Na capital carioca, a esgrima não é um esporte muito praticado. Apesar de lamentar a falta de apoio à modalidade, os atletas do Rio seguem com esperança no surgimento de novas equipes.

Até alguns anos atrás, a esgrima carioca era baseada em grêmios militares, mas recentemente clubes civis como o Vasco, o Ginástico Português e o São João (embora funcione no Cefex) têm aberto espaço para a luta com espadas. Também praticam esgrima a Escola Naval e a Comissão de Desportos do Exército.

\"O Vasco tinha parado em 2001, mas recomeçou o trabalho na esgrima em 2005. Temos em São Januário uma sala de três pistas de competição e escolinhas. Além disso, fornecemos o material para os iniciantes\", anima-se o atleta vascaíno Guilherme Giffoni, de 32 anos, campeão carioca de florete.

A escolinha de Esgrima no Vasco funciona toda segunda, terça, quarta e quinta de 7h às 10h. Na terça e quinta também há a opção da noite, de 18h às 21h. O material é fornecido para os alunos sem custos e não há limites de idade para o aprendizado.

Maiores informações nos telefones 2176-7328 (Departamento Infanto-Juvenil) e 9369-4619 (Guilherme).

Fonte: Site oficial do Vasco