Vasco sofreu três assaltos nos últimos anos

19/05/2006 às 17h06 - CLUBE

Em busca dos R$ 573.103 repassados ao Vasco da renda do clássico de anteontem contra o Fluminense, seis homens armados invadiram a sede do clube, em São Januário, ontem de madrugada. A invasão aconteceu por volta das 3h30m, meia hora depois da saída do presidente Eurico Miranda e alguns diretores, que estavam no clube comemorando a classificação para a final da Copa do Brasil. Em três anos, foi a terceira invasão à sede do Vasco.

Os assaltantes renderam cinco vigias. Três ficaram trancados no banheiro, e os outros dois foram obrigados a levar os criminosos até a tesouraria, onde os bandidos encontraram os cofres vazios. Como a venda de ingressos foi antecipada, o Vasco já havia depositado o dinheiro num banco.

Segundo o vice-presidente jurídico, Paulo Reis, os ladrões roubaram apenas alguns equipamentos. Ele estima que o prejuízo não passe dos R$ 300.

O assessor de imprensa do clube, Roberto Garófalo, explicou que, além de ter deposito o dinheiro num banco, o Vasco usou parte da renda para pagar funcionários e quitar outras despesas. A tentativa de assalto foi registrada na 17 DP( São Cristóvão).

Em setembro de 2005, 15 homens roubaram um caixa eletrônico na sede do clube. Em fevereiro de 2003, outros dez assaltantes entraram em São Januário e arrombaram um caixa eletrônico, de onde roubaram cerca de R$ 32 mil. Depois fugiram a pé.

Fonte: O Globo