Vasco terá um sábado de reencontros contra o Ceará

26/10/2019 às 09h09 - FUTEBOL

Depois de uma saída problemática e litigiosa via Justiça de Trabalho, Vasco e Thiago Galhardo voltam a se reencontrar em lados opostos hoje (26), às 17h, no estádio Castelão (CE), com as arestas ainda longe de terem sido aparadas.

Em alta e atualmente defendendo o Ceará - onde perdeu para o Cruzmaltino no primeiro turno por 1 a 0 -, o badalado meia já foi questionado diversas vezes por jornalistas o que, de fato, aconteceu para seu afastamento no ex-clube e, consequentemente, a rescisão unilateral de contrato, mas sempre se esquivou e preferiu colocar panos quentes.

Pelo lado do Vasco, porém, o que se sabe é que o principal problema do jogador foi com o ex-técnico Alberto Valentim, hoje no Botafogo. Segundo pessoas próximas do atleta ouvidas pelo UOL Esporte, a relação - que já vinha desgastada - teve o estopim após o treinador tomar conhecimento de curtidas de Galhardo no Instagram em postagens em que o comandante entendia como críticas a ele. Uma forte discussão no vestiário teria motivado o afastamento.

Pelo lado de Valentim, o treinador cita questões comportamentais como o motivo para decidir afastar o jogador, mas nega que tenha um problema pessoal com Galhardo.

"Foram por algumas razões de comportamento que não estavam nos agradando. Eu até não gostaria de tocar no assunto porque foi algo que fechou ali, é uma coisa que a gente não quer colocar para fora porque foi resolvido dentro do clube. Tive uma conversa com ele franca, tranquila, é um jogador que eu também não tive nenhum tipo de problema, só que alguns comportamentos depois fizeram com que eu tomasse a decisão de não mais contar com ele", disse o técnico à Espn.

Presidente do clube, Alexandre Campello também nunca entrou em muitos detalhes sobre o assunto, mas admitiu que Valentim teve problemas com Thiago Galhardo e também com Maxi Lopez, outro que deixou o Vasco via Justiça.

"Só teve (problema) com o Maxi Lopez e o Thiago Galhardo. Prefiro não trazer isso a público. O que acontece no vestiário, fica no vestiário. Só posso dizer que foi um problema pessoal interno", disse o dirigente ao canal "Atenção, Vascaínos", que no mesmo programa também falou sobre um 'racha' entre o treinador e alguns jogadores.

Thiago Galhardo tem sido um dos destaques do Ceará e deverá ser titular na partida de hoje. Ele soma 23 jogos e nove gols pela equipe cearense.

Reencontro também com técnico e jogadores do Ceará

Outro reencontro acontecerá à beira do campo. Adilson Batista, treinador do Ceará, foi comandante do Vasco em 2014 e até hoje é lembrado com muito carinho pelos funcionários do clube.

Frasista e "bom de resenha", ele também cultivou uma boa relação com os jornalistas que cobrem o dia a dia cruzmaltino.

Na época, ele foi vice-campeão carioca na decisão que ficou marcada por um gol em impedimento do volante Márcio Araújo, para o Flamengo , aos 46 minutos do segundo tempo.

O Ceará conta ainda com o goleiro Diogo Silva - que defendeu o Vasco de 2011 a 2014 - e o volante Willian Oliveira - jogador cruzmaltino em 2016.

CEARÁ X VASCO

Local: Castelão, em Fortaleza (CE)

Hora: 17h (horário de Brasília)

Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (RS) Auxiliares: Lucio Beiersdolf Flor (RS) e Michael Stanislau (RS)

VAR: Leandro Pedro Vuaden (RS)

Ceará

Diogo Silva; Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio e João Lucas; William Oliveira, Fabinho, Ricardinho e Thiago Galhardo; Lima e Bergson

Técnico: Adilson Batista

Vasco

Fernando Miguel; Yago Pikachu, Ricardo Graça (Miranda), Leandro Castan e Henrique; Richard, Bruno Gomes (Raul ou Guarín) e Felipe Ferreira; Rossi, Marrony e Ribamar

Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Fonte: UOL