Acabou em pizza: Dodô é absolvido pelo STJD e pode jogar domingo

02/08/2007 às 18h54 - IMPRENSA

O atacante Dodô, do Botafogo, foi absolvido, nesta quinta-feira, por 5 votos a 3 do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), da acusação de doping por uso de femproporex. Após ser punido com 120 dias de suspensão, o jogador, através de seu advogado Carlos Portinho, obteve sucesso no recurso contra sua condenação.

O artilheiro do time alvinegro foi flagrado no exame antidoping no jogo contra o Vasco, no dia 14 de junho. A confirmação do uso de substância proibida aconteceu no dia 9 de julho, quando foi divulgado o resultado da contraprova do exame de urina do jogador.

No recurso, a defesa de Dodô, apesar de confirmado o uso da substância proibida, afirmou que ele não teve culpa. A culpada, segundo a defesa do jogador, seria uma farmácia que fornecia ao Botafogo suplementos alimentares.

Dodô foi ao julgamento acompanhado de sua mulher, sogra e do filho recém nascido. O presidente e o vice-presidente do Botafogo, Bebeto de Freitas e Carlos Augusto Montenegro, também estavam presentes desde o início da audiência, que começou por volta das 14h (de Brasília).

Um grupo de torcedores, dentro e fora do tribunal, também acompanharam o julgamento com gritos de guerra e manifestações.

Fonte: JB Online