Clube

Scout do Vasco, Luan Faria fala sobre trabalho no clube

Há cinco anos, os scouts do Vasco viajaram para a região Centro-Oeste do Brasil para observar uma competição regional. O foco era um zagueiro do qual a equipe já tinha informações, mas eles voltaram para o Rio de Janeiro com outro jogador na cabeça. Um volante que deu gosto de ver jogar.

O garoto em questão era João Pedro Murilo de Paula Morais. Hoje candidato a titular no meio-campo do profissional, JP foi captado para a base do Vasco em 2019.

- Chegando lá, avaliamos que o zagueiro não possuía o perfil que buscávamos e foi aí que identificamos excelentes aspectos e indicadores de desenvolvimento no João Pedro. Na ocasião, colhemos as informações e relatamos em nosso banco de dados - explicou Luan Faria, scout do Vasco, ao ge.

O final feliz da história tem o dedo do scout Luiz Bastos, neto de Garrincha. Ele se deparou com vídeos gravados pelo pai de JP nas redes sociais e direcionou ao Vasco, que soube que o volante já não estava mais no Goiás e procurava oportunidades no eixo Rio-São Paulo.

- Com todas as informações, avançamos e concretizamos a chegada dele, tendo a certeza que se tratava de um atleta com perfil Vasco da Gama. JP apresentou indicadores técnicos e mentais muito elevados para a idade na ocasião e, através disso, tomamos a melhor decisão - destacou Luan, que acrescentou:

- Temos um maestro. Dá gosto de ver jogar. É um jogador clássico que está faltando no futebol Brasileiro.

O Vasco então foi trabalhando em cima das características do meio-campista para desenvolver seu potencial e criar o que chama de "DNA vascaíno". A base familiar de JP, com o suporte do pai Murilo, é considerada fundamental para o amadurecimento do cria.

- João Pedro está se adaptando muito bem a todo esse processo de transição, é um atleta que amadureceu muito rápido, conseguindo desempenhar muito bem sua função. Quando se trata de um talento com tamanha projeção, temos que ter todo cuidado para não pular etapas e atrapalhar o desenvolvimento do jogador - contou Luan.

Foto: Leandro Amorim/VascoJP
JP

Com Payet e Guilherme Estrella em observação no departamento médico, JP pode ganhar nova chance como titular no domingo, contra o Inter. Na base, o atleta já foi utilizado na posição mais avançada do meio-campo.

Em 2023, quando Estrella sofreu com lesões, o então técnico do sub-20, William Batista, introduziu João Pedro no setor de criação. Até então jogando mais como camisa 5 e 8, JP passou a exercer função de 10 e atuou assim nos dois jogos da final do Carioca no ano passado. A boa finalização e a qualidade no passe para gol fizeram o treinador utilizá-lo mais à frente em outras oportunidades.

SAIBA MAIS SOBRE O PAPEL DO SCOUT:

Luan Faria, scout do Vasco — Foto: Arquivo pessoal
Luan Faria, scout do Vasco — Foto: Arquivo pessoal

ge: como funciona o trabalho do scout no dia a dia?

Luan Faria: o processo de captação e mercado é pautado diariamente com visitas a projetos e clubes de todo o Brasil. Também assistimos a jogos de competições estaduais e nacionais, em busca de informações de atletas de curto a longo prazo, baseadas em seus aspectos e indicadores.

Em um primeiro momento, focamos no que o atleta faz de melhor e, através disso, medimos o que pode ser desenvolvido a longo prazo, pautando sempre os indicadores desenvolvidos na metodologia e DNA do clube.

Costumo dizer que o "Vasco é diferente". Temos uma fábrica de talentos que em breve vai trazer resultados esportivo e financeiro para o clube.

Existe algum segredo na identificação do talento?

- Não existe uma fórmula especial, mas compreendo que mais importante que a identificação do talento é a prospecção dele dentro do clube. Acredito que nesta parte temos que ter total atenção, pois estamos falando de seres humanos que têm suas particularidades, principalmente nos aspectos mentais, e vão sofrer oscilação. Se não tivermos atenção, acabamos perdendo um potencial talento.

- Por isso a importância de ter uma equipe multidisciplinar conectada com o dia a dia de campo. Considerável também não focar no imediatismo, pois na maioria das vezes o atleta que possui indicadores maiores de alocação de mercado, apresentam indicadores tardios. Com isso, é importante ter o equilíbrio e total atenção no processo do talento.

Há vezes que os possíveis reforços são garimpados pelo scout e outras que o diretor leva o nome para o scout avaliar… Hoje, no Vasco, quais os critérios dessa avaliação?

- Temos um banco de dados, com bastante informação, e essas informações são construídas diariamente com demandas de jogos on-line e presencial, contribuindo para a construção de relatórios para tomar a melhor decisão.

Qual a importância de análise de vídeos para a contratação de um atleta?

- Os vídeos são de extrema importância para a construção do máximo de informação sobre o atleta, mas nada substitui assistir aos comportamentos do atleta in loco. Sabemos que o futebol é objetivo, e o mercado é agressivo. Com isso, temos que ter todas as informações e fazer o melhor para o clube.

A indicação de nomes é frequente?

As informações são diárias. Discutimos com toda a equipe, preenchendo e avaliando os indicadores com perfil Vasco da Gama.

Fonte: ge
  • Quarta-feira, 10/07/2024 às 19h00
    Vasco Vasco 2
    Corinthians Corinthians 0
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Quarta-feira, 17/07/2024 às 19h00
    Vasco Vasco
    Atlético Goianiense Atlético Goianiense
    Campeonato Brasileiro - Série A Estádio Antônio Accioly
  • Domingo, 21/07/2024 às 16h00
    Vasco Vasco
    Atlético Mineiro Atlético Mineiro
    Campeonato Brasileiro - Série A Arena MRV
  • A definir
    Vasco Vasco
    Grêmio Grêmio
    Campeonato Brasileiro - Série A A definir
  • A definir
    Vasco Vasco
    Cuiabá Cuiabá
    Campeonato Brasileiro - Série A A definir
  • A definir
    Vasco Vasco
    Red Bull Bragantino Red Bull Bragantino
    Campeonato Brasileiro - Série A A definir
  • A definir
    Vasco Vasco
    Fluminense Fluminense
    Campeonato Brasileiro - Série A A definir