Vasco conclui negociações com BMG, e deve pagar um mês de atrasados

27/01/2020 às 17h08 - CLUBE

Com R$ 5 milhões por ampliação de contrato por mais três anos, clube de São Januário espera reduzir débito com jogadores e funcionários até terça-feira

O Vasco concluiu a negociação com o BMG e, nesta segunda-feira, assinou a prorrogação do contrato de patrocínio por mais três anos. Com as luvas de R$ 5 milhões a serem recebidas pelo acordo, a direção pretende pagar um mês de salário atrasado a jogadores e funcionários.

Há a possibilidade de o dinheiro ser depositado na conta dos trabalhadores ainda nesta segunda. Caso não ocorra, a previsão passa a ser terça.

Atualmente, o elenco tem por receber os meses de novembro e dezembro, 13º, férias e direitos de imagem. A situação é um pouco diferente no que diz respeito aos funcionários. O mês de outubro foi pago a quem recebe até R$ 3 mil. Há atraso, então, de novembro, dezembro 13º e férias.

Por acordo interno, o mês em São Januário vence sempre no dia 20 do mês seguinte. Exemplo: janeiro terá de ser pago em 20 de fevereiro.

O presidente Alexandre Campello assinou o novo acordo com o BMG na tarde desta segunda-feira. Era uma negociação que transcorria desde o final do ano passado, conforme noticiado pelo jornal Lance!.

Fonte: globoesporte.com