Vasco não teve participação em documentário sobre associação em massa

03/02/2020 às 08h03 - CLUBE

A histórica associação em massa da torcida do Vasco, que fez o clube ter o maior número de sócios-torcedores do Brasil, virou filme. Em parceria com a agência "14", o serviço de setraming DAZN exibirá com exclusividade o documentário "De Volta" em dois episódios. O primeiro vai ao ar nesta quarta-feira (5) às 21h30.

Diretor e roteirista do curta-metragem, Bruno Maia, que foi vice-presidente de marketing do Cruzmaltino, explicou o que motivou a tocar o projeto.

"A ideia de fazer o documentário surgiu da minha formação, evidentemente. Eu trabalho com documentação, filmes, já há muito tempo. E vendo tudo aquilo acontecer, juntou o lado profissional e o lado torcedor. Foi saber que tinha um fato histórico acontecendo. Aconteça o que acontecer no futuro do Vasco, a semana dos 100 mil sempre será lembrada. Virou uma história para contar", contou, ao UOL Esporte.

Com a experiência de já ter produzido um DVD com artistas vascaínos da música popular brasileira, Bruno Maia ressaltou também a carência que o clube tem de registros audiovisuais em sua história.

"O Vasco tem uma deficiência de registros históricos audiovisuais. Foi uma coisa que me preocupou muito quando fui vice-presidente de marketing. Nos mobilizamos muito rápido entendendo a importância de tudo aquilo. Filmamos durante pouco mais de uma semana alguns momento da associação em massa, filas em shoppings... E filmamos também os jogos contra Cruzeiro e Chapecoense", destacou.

Vice-presidente de Direitos e Conteúdo Original do DAZN no Brasil, Sérgio Floris acredita que o documentário trará "uma ótica diferente" sobre a associação em massa.

"É uma grande oportunidade de retratar os bastidores desse histórico movimento do Vasco e sua torcida, sob uma ótica diferente, conversando com as pessoas que estão envolvidas diretamente com um dos maiores clubes do país", afirmou.

Bruno Maia detalhou como serão os dois episódios, que serão exibidos pelo serviço de streaming.

"O primeiro retrata a associação em massa, a fotografia daquilo ali, e o segundo fala sobre esse sentimento de tomada do torcedor, de se sentir o dono daquilo ali, de celebrar. Fala sobre essa auto celebração e o que essa torcida é capaz de fazer", disse.

Na avaliação do publicitário, o torcedor vascaíno e o telespectador em geral poderão esperar muito sentimento e emoção,

"O que ele pode esperar é a torcida do Vasco com toda sua potência, fotografada em um dos momentos mais especiais que eu vivi nesses 37 anos de vida. É uma sensação de empoderamento. O rival [Flamengo] sendo campeão, e a torcida criou seu próprio título, seu próprio campeonato. O jogo contra a Chapecoense foi muito impressionante. Parecia um jogo de entrega de faixas. A torcida celebrando, feliz de estar entre eles. O jogo foi só um detalhe. Então, o filme mostra isso, a capacidade de união dessa torcida. Esse capítulo merece muito ser mostrado, perpetuado. O vascaíno precisa saber sua força e, quando alguém hesitar ou questionar, vai poder olhar para isso e mostrar para as pessoas qual o tamanho desse clube e a paixão que essa história tem", exaltou.

Vasco não teve participação

Apesar de ser um documentário sobre a associação do Vasco, o clube não teve participação. O projeto foi todo custeado pela agência 14, que em seguida comercializou o produto.

"Foi muito intencional que não houvesse [participação]. Não tem nenhuma declaração de dirigente do Vasco. Esse filme é uma história da torcida do Vasco, que foi quem fez tudo isso acontecer", explicou Bruno Maia.

Evento de lançamento

Hoje, às 19h30, um evento de pré-lançamento do documentário será realizado para convidados no bairro de Botafogo, na Zona Sul do Rio de Janeiro. O zagueiro Leandro Castan é aguardado no local.

DAZN já exibiu documentários de outros clubes

Esta não será a primeira vez que o DAZN exibirá um documentário ligado a um clube do futebol brasileiro. Anteriormente, o canal já havia passado curtas-metragens envolvendo Botafogo, Flamengo, Fluminense, Atlético-MG e Corinthians.

Fonte: UOL Esporte